Dossiê dos atingidos

Clique abaixo para baixar o Dossiê dos impactos e violações da Vale no mundo.

Leia mais

Recordar é viver

Assista o vídeo com a história, informações e depoimentos sobre o processo de privatização da VALE

Leia mais

DIREITOS HUMANOS

Leia relatório dos impactos sobre os direitos humanos na indústria da mineração e da siderurgia em Açailândia

Leia mais

Vale: campeã em violações de direitos humanos

A Vale, mineradora brasileira presente em 38 países e considerada hoje a maior corporação de mineração de ferro do mundo, é uma das seis finalistas do prêmio Public Eye Award, que todos os anos escolhe a pior empresa do planeta por voto popular e anuncia a vencedora durante o Fórum Econômico Mundial de Davos, na Suíça. É a primeira vez que uma empresa brasileira concorre ao prêmio.

A indicação da Vale para o Public Eye Award 2012 foi feita pela Articulação Internacional dos Atingidos pela Vale (International Network of People Affected by Vale) através da organização brasileira Rede Justiça nos Trilhos, sediada no Maranhão, em parceria com as ONGs internacionais Amazon Watch e International Rivers, e tem como base os inúmeros impactos ambientais, sociais e trabalhistas causados na última década pelas atividades da corporação no Brasil e no mundo.

A entrada da empresa, em meados de 2010, no Consórcio Norte Energia SA, empreendimento responsável pela construção da hidrelétrica de Belo Monte no rio Xingu, no Pará, foi considerado pelos organizadores do prêmio, Greenpeace Suíça e Declaração de Berna, o fator determinante para a sua inclusão na lista das seis finalistas do Public Eye deste ano. A Vale detém 9% das ações do Consórcio, que será responsável pelo deslocamento forçado de cerca de 40 mil pessoas, atingindo direta e indiretamente 14 comunidades indígenas do Médio Xingu, alagando 668 km2 e secando 100 km do rio na chamada Volta Grande do Xingu.

A votação do Public Eye Award 2012 é feita no site do prêmio e vai até o dia 26 de janeiro.

Clique aqui e vote na Vale como pior empresa de 2012.

Vídeos

Não vale

Notícias

Vale é acusada de sonegação de royalties e evasão de divisas

Folha de S. Paulo – O DNPM (Departamento Nacional de Produção Mineral) acusa a Vale de fazer descontos irregulares na base de cálculo dos royalties de mineração e tributar suas exportações por um preço abaixo do valor final. Esses foram os motivos das três multas aplicadas à Vale, no intervalo de um ano, pela superintendência […]

”O lucro é privado, mas o prejuízo é público”. Entrevista com Danilo Chammas e Dário Bossi