Início Notícias Mais uma manifestação contra Belo Monte, desta vez em frente ao BNDES

Mais uma manifestação contra Belo Monte, desta vez em frente ao BNDES

A sociedade brasileira tem mostrado, definitivamente, que tem voz, pensa por si mesma e que, diante de um país democrático, não vai se calar diante da insistência do governo em construir Belo Monte. Hoje (4/02) no Rio de Janeiro, um grupo de pessoas se reuniu em frente à sede do BNDES para protestar contra a usina. O uso de R$ 30 bilhões de dinheiro público para a construção de Belo Monte faz parte do pacote de arbitrariedades que vêm sendo enfiadas goela abaixo da sociedade brasileira.

Munidos de cartazes e de auto-falante, deixaram a mensagem que políticos, empresários, economistas, cientistas, jornalistas e ambientalistas têm dito há anos: Belo Monte é inviável dos pontos de vista ambiental, social e econômico. Nos cartazes que seguravam, haviam mensagens como “Xingu de Luto”, “Belo Monte: energia para quem?”, “PAC na Amazônia = destruição” e “Belo Monte=crime ambiental”.

“O protesto estava marcado para o meio-dia. Umas vinte pessoas estavam presentes entre jornalistas que cobrem a pauta ambiental , fotógrafos , ativistas do Greenpeace e do Partido Verde. O Partido Verde distribuiu cópias de um ofício que foi encaminhado a Ministra do Meio Ambiente questionando a ” Licença Parcial de Instalação” emitido em favor do Consórcio Norte Energia. Apesar do pequeno número de ativistas o BNDES reforçou a segurança (eram 2 quando cheguei e depois já eram 5)”, afirma Márcia Pimenta, que participou da manifestação.

Agradecemos a todos os participantes pelo ato de coragem e de solidariedade.

E, como temos divulgado em nosso twitter… #parebelomonte.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

*


Últimas notícias

Protesto contra Norte Energia na Transamazônica termina com demandas enviadas ao MPF

Depois de cinco dias de ocupação e trancamento da Transamazônica na altura do km 27, a manifestação de pescadores, ribeirinhos, agricultores e...

Amazon Communities Protest to Maintain the Xingu River Alive

Foto: Lilo Clareto This Monday morning (11/09), over 150 representatives of fishermen, riverbank communities, family farmers and the...

Comunidades de 5 municípios trancam a Transamazônica por liberação de água no Xingu

Na manhã desta segunda, 9, cerca de 150 pescadores, ribeirinhos, pequenos agricultores e indígenas Curuaya e Xipaya dos municípios de Altamira, Senador...

Banzeiro, o novo podcast do Movimento Xingu Vivo

A partir de julho de 2020, o Movimento Xingu Vivo para Sempre passa a produzir o podcast Banzeiro, para falar de coisas...