Nota: pela imediata demissão de Edison Lobão

WE BUILD CONNECTIONS WITH ORGANIZATIONS AND COOPERATE WITH SMART PEOPLE ALL OVER THE WORLD

Na última sexta-feira (6), o ministro das Minas e Energia, Edison Lobão, veio a público para anunciar ao país que mentiu para a presidente Dilma Rousseff. Em diversas declarações à imprensa, este senhor confidenciou que garantiu à Dilma que Belo Monte não afetará terras indígenas.

O constrangedor deste fato é que qualquer cidadão brasileiro, em especial a presidente do país, pode se informar sobre os impactos da hidrelétrica diagnosticados no Estudo de Impacto Ambiental (EIA) da usina. Para os Povos Indígenas, estes  compõem as 26 condicionantes  impostas pela Licença Prévia, que teriam que ser cumpridas antes de qualquer licença de instalação de Belo Monte (clique aqui para ver as condicionantes).

Até o Consórcio Norte Energia, que tem espalhado propagandas mentirosas sobre a usina nos aeroportos do país, em espaços fechados considera óbvios os impactos indígenas, como explica o diretor socioambiental da NESA, Ronaldo Crusco.

(Veja aqui o vídeo com as declarações de Crusco)

As lamúrias queixosas do ministro Lobão, quando diz que “os senhores não imaginam o sofrimento pelo qual temos passado, nós do setor elétrico” (O Globo, 06.05.2011), são um despropósito sem tamanho. Pior, no entanto, são suas críticas ao Ibama quando, em raras oportunidades, “ameaça” considerar as legislações ambientais do país: “em um momento são as ONGs que falam mal de nós. Se não bastasse, [ora tem] o Ibama, – que já atrapalhou mais – e o Instituto Chico Mendes, ora é opinião pública internacional”.  Por fim, o ministro ainda se queixa  “dos demais obstáculos”, mas é categórico ao afirmar que, “a despeito disso” (legislações nacionais, tratados e convenções internacionais, denúncias de violações, etc), prosseguirá com Belo Monte.

Um ministro que mente publicamente à presidente da república e à nação, e que declara abertamente que seus projetos serão implementados à revelia da lei não serve para o Brasil. Exigimos a exoneração imediata de Edison Lobão por ameaças de ações de lesa-pátria.

Movimento Xingu Vivo para Sempre

Comments (1)

É um pedido bastante coerente!
Vamos apostar na sua realização.

Comment to Sulivam Cancelar resposta