Início Notícias Raoni puxa orelha de presidente da Funai por Belo Monte

Raoni puxa orelha de presidente da Funai por Belo Monte

O cacique Raoni Metuktire, uma das principais lideranças kayapó do Mato Grosso, deu um puxão de orelha no presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), Márcio Meira. O protesto  aconteceu durante o encerramento da Primeira Cumbre Regional Amazônica, encontro indígena realizado em Manaus entre os dias 15 e 18 de agosto. A conta da Funai é alta – e entre os piores custos, está a construção da Usina Hidrelétrica de Belo Monte. “[Márcio Meira] Tem que sair”. Puxa a orelha: “Você está matando os povos indígenas. Tem que colocar outra pessoa que se preocupe com a gente”

O evento foi organizado pela Coordenação das Organizações Indígenas da Bacia Amazônica (Coica), em parceria com a Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira (Coiab), e reuniu cerca de 200 indígenas da bacia amazônica, vindos de nove países diferentes.

1 COMENTÁRIO

  1. Não era somente o Meira quem merecia o puxão de orelha. Em 2000 ouvíamos o governo dizer que a represa de Porto Primavera seria a última grande hidroelétrica a ser construída no país. Pq no final esses colossos não produzam tanta energia q se necessita. Por maior que seja Belo Monte ela nunca suprirá uma região em desenvolvimento. Destruir agora tantos lugares, não vai ajudar o pais em nada. Isso acontecendo torço para que os Astecas estejam certos e no ano q vem surja um cataclismo gigantesco global, que façam àquelas pessoas q sobrarem a refletir um novo modo de vida. Não dá mais para destruir mais nada. Daqui a uns 65 ou 80 anos, a guerra será por água potável…

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

*


Últimas notícias

Belo Monte aumentou emissões de gases-estufa no Xingu em cerca de 3 vezes, diz estudo

Por Folha de São Paulo - Cercada de críticas desde o início do seu projeto, a usina hidrelétrica de Belo Monte gerou...

Justiça cancela acordo do Ibama com a Norte Energia sobre uso da água da Volta Grande do Xingu

Por MPF - A Justiça Federal cancelou o termo de compromisso entre o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) e a...

Punição para a cadeia de culpados pela violência contra a nação Munduruku

Esta quarta, 26 de maio, foi um dia terrível. Criminosos ligados ao garimpo que invade, destrói, empesteia e mata no território Munduruku,...

Garimpeiros atacam e incendeiam aldeia de liderança Munduruku contrária ao garimpo no Tapajós (PA)

Do MPF - Um grupo de garimpeiros armados atacou nesta quarta-feira (26), no início da tarde, a aldeia Fazenda Tapajós, em...