Início Notícias OIT diz que governo não ouviu índios sobre Belo Monte

OIT diz que governo não ouviu índios sobre Belo Monte

Ao não ouvir os índios, apontou a OIT, o Brasil violou a convenção 169 sobre povos indígenas e tribais, da qual é signatário.

A OIT pede que os índios sejam ouvidos “antes que os possíveis efeitos nocivos [da obra] sejam irreversíveis”.

O texto não prevê punição ao Brasil, mas pode reforçar eventuais ações judiciais que questionem o licenciamento ambiental da usina.

“O relatório vai ajudar a demonstrar que os índios devem ser consultados”, afirmou Felício Pontes, procurador da República no Pará.

Desde 2006, o Ministério Público Federal questiona, em ação na Justiça, a ausência de consulta aos índios. Pediu a suspensão das obras até que os índios fossem ouvidos pelo Congresso Nacional.

No final de 2011, o TRF-1 (Tribunal Regional Federal da 1ª Região) negou o pedido e manteve o licenciamento ambiental de Belo Monte mesmo sem a consulta.

Em sua defesa na ação, o governo, representado pelo Ibama (Instituto Nacional do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) e pela Eletrobrás, argumentou que os índios não precisavam ser ouvidos pelo Congresso porque suas terras não serão diretamente afetadas. O Ministério Público Federal recorreu.

Já o Ministério das Relações Exteriores afirmou que o governo brasileiro realizou quatro audiências públicas com a presença de representantes indígenas e que o mecanismo de consulta prévia previsto na convenção da OIT ainda está em processo de regulamentação no Brasil.

A Comissão Interamericana de Direitos Humanos da OEA (Organização dos Estados Americanos) também já havia criticado o governo brasileiro por causa de Belo Monte no ano passado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

*


Últimas notícias

Nota de solidariedade ao povo Munduruku

O Movimento Xingu Vivo para Sempre quer expressar sua solidariedade ao povo Munduruku, sua indignação contra o cotidiano de violência a que...

Beiradeiros, Xingu Vivo e SDDH entram com representação criminal contra responsáveis por danos à Volta Grande do Xingu

Depois da divulgação de um acordo firmado entre o Ibama e a Norte Energia que, na última semana, permitiu que a empresa...

Ibama e a sentença de morte do Médio Xingu

Por Verena Glass - No ano de 2020, o Médio Xingu sofreu uma das piores secas da sua história. Aliado a um...

Ibama contraria ministério e mantém decisão de determinar que Belo Monte libere água no rio Xingu

André Borges, O Estado de S.Paulo - Pressionado de todos os lados pelo governo, o Ibama decidiu levar adiante a sua decisão...