Início Nota Nota de solidariedade e pesar: O sangue dos agricultores do Xingu escorre...

Nota de solidariedade e pesar: O sangue dos agricultores do Xingu escorre das engrenagens do governo

O atropelamento de três agricultores nesta segunda feira, 18, na Transamazônica, às portas das obras de Belo Monte, não foi uma fatalidade; foi uma tragédia anunciada. Denunciamos que a morte de Leidiane Drosdoski Machado, de 27 anos, e Daniel da Silva Vila Nova, 41 anos, moradores do Travessão do 27, mais do que culpa do assassino sobre rodas é responsabilidade do governo federal. As rodas da máquina desenvolvimentista do governo se impregnaram de sangue, literalmente.

Desde o início das obras da hidrelétrica de Belo Monte, centenas de famílias  de agricultores foram deixadas à margem de tudo. Das negociações, das certezas, das indenizações e do futuro. Também os moradores do Travessão do 27 e de Paquiçamba foram informados que não seriam considerados atingidos por Belo Monte. De repente, porém, são notificadas pelo Incra que terão de deixar as terras onde vivem e trabalham. Sem destinação. Sem reassentamento. Porque, segundo o Incra, “não há terras para colocar vocês”

O Xingu Vivo se solidariza e compartilha da profunda dor dos companheiros e familiares de Leidiane e  Daniel, assassinados na Transamazônica, e do garoto de 13 anos que continua no hospital entre a vida e a morte. Não fosse o governo, não fosse a Norte Energia, não fosse Belo Monte, não fosse a total e profunda ausência de garantias de direitos, não fosse o desprezo tão absurdo pela vida humana, agricultores e agricultoras não teriam que tomar as estradas e gritar seus desesperos e demandas, para nunca mais voltarem para casa.

Exigimos que o crime seja apurado e esclarecido, e o assassino ao volante do automóvel, levado à Justiça. Quanto aos demais responsáveis pelas mortes, nossos votos são que não sigam indefinidamente impunes

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

*


Últimas notícias

Debate Amazônia em conflito: quem põe preço e quem dá valor – a disputa entre os predadores e os povos da floresta

A Amazônia sempre esteve em disputa entre os que a parasitam e aqueles que nasceram nos territórios e deles vivem. Há...

Projeto de mineração Belo Sun é inviável, aponta estudo técnico

Em apenas sete minutos, um volume de aproximadamente 9 milhões de metros cúbicos de rejeitos tóxicos podem atingir o rio Xingu, no...

Covid 19: dois mortes e 65 indígenas contaminados em Altamira, 3 em Anapu e 11 em Vitória do Xingu

Jose Carlos Arara, liderança da aldeia Arara da Volta Grande do Xingu, faleceu na ultima terça, 9, vitima do coronavirus

Nota de pesar e solidariedade: José Carlos Arara encantou

O Movimento Xingu Vivo para Sempre expressa a todas e todos, especialmente aos indígenas do Médio Xingu, extremo pesar pelo falecimento de...